Irã não acredita em reação do Conselho de Segurança

Estados Unidos, França, Grã-Bretanha e Alemanha afirmaram na segunda-feira que os recentes disparos de mísseis violam as resoluções da ONU

O ministro iraniano da Defesa, general Hosein Dehghan, afirmou ter certeza de que o Conselho de Segurança da ONU não vai reagir após os recentes disparos de mísseis balísticos do Irã, condenados por vários países ocidentais.

“Tenho certeza de que o Conselho de Segurança e as Nações Unidas não responderão porque nossas medidas nãos são uma violação do acordo nuclear entre o Irã e as grandes potências, nem da resolução 2231 da ONU”, afirmou o ministro em uma entrevista ao canal público.

Estados Unidos, França, Grã-Bretanha e Alemanha afirmaram na segunda-feira que os recentes disparos de mísseis violam as resoluções da ONU e pediram ao Conselho de Segurança que examine o caso.

Estes países consideram que certos tipos de mísseis iranianos têm capacidade de transportar ogivas nucleares, o que é negado de maneira veemente pelas autoridades da República Islâmica.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s