Itália reforça vigilância na fronteira com França

Polícia do país intensificou a segurança após os atentados ocorridos em Paris na última sexta-feira

Roma – A polícia italiana intensificou a segurança no norte do país, especialmente na fronteira com a França, após os ataques de Paris, que deixaram 129 pessoas mortas, mas não tem suspeitas de que indivíduos relacionadas aos atentados tenham fugido à Itália.

A unidade da polícia na cidade de Turim explicou à Agência Efe que deu ordens às equipes para que patrulhem o norte do país, aumentem a vigilância e “parem os veículos suspeitos”.

“Não temos informações sobre a presença de pessoas relacionadas aos atentados (de Paris) no território nacional. A polícia advertiu às patrulhas que, se encontrarem veículos suspeitos, evidentemente é necessário pará-los”, informou a corporação.

De acordo com o órgão, a medida é “exclusivamente preventiva” e “não significa que estas pessoas (os terroristas) se encontrem em território nacional”.

A polícia de Turim fez estas declarações depois que alguns meios de comunicação disseram que a Itália estava buscando um francês relacionado aos atentados, que havia cruzado durante o fim de semana o país através de Ventimiglia. 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s