Líder do parlamento turco quer uma “Constituição religiosa”

"Como um país muçulmano, por que devemos nos encontrar em uma situação separada da religião?", disse Kahraman em uma conferência em Istambul

A próxima Constituição turca deve ser “religiosa” e o laicismo “não deveria figurar”, afirmou nesta segunda-feira o presidente do Parlamento, Ismail Kahraman, citado pela agência de notícias pró-governo Anatolia.

“Como um país muçulmano, por que devemos nos encontrar em uma situação separada da religião? Somos um país muçulmano. Por conseguinte, temos que elaborar uma constituição religiosa”, disse Kahraman em uma conferência em Istambul.

“Antes de qualquer coisa, o laicismo não deve figurar na nova Constituição”, acrescentou o líder dos deputados e membro do Partido da Justiça e do Desenvolvimento (AKP, islâmico-conservador).

Desde que chegou ao poder em 2002, o AKP do presidente Recep Tayyip Erdogan é acusado pela oposição de tentar islamizar a sociedade turca.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s