Mensagens revelam fogo dentro de avião da EgyptAir

As mensagens mostram que havia "fumaça no banheiro" e também "nos sistemas eletrônicos" do avião antes do acidente.

Redação Central, 21 mai (EFE).- Várias mensagens enviadas do avião da EgyptAir que caiu no Mar Mediterrâneo com 66 pessoas a bordo mostram que havia fogo e fumaça dentro da aeronave antes do acidente, segundo um site especializado em segurança na indústria aérea.

O sistema de comunicação ACARS, que envia mensagens automáticas ao centro de manutenção e ao fabricante informando sobre o estado do aparelho, “indicava fogo a bordo”, revelou o site “The Aviation Herald”.

As mensagens mostram que havia “fumaça no banheiro” e também “nos sistemas eletrônicos” do avião antes do acidente da última quinta-feira, segundo divulgou o site nas últimas horas em uma informação que ainda não foi confirmada oficialmente.

O avião da Egyptair, que fazia a rota entre Paris e a cidade do Cairo, caiu no mar efetuando duas voltas bruscas após desaparecer dos radares e perder altitude a uma grande velocidade, sem que até o momento se conheçam as causas da tragédia, por isso não se descarta a possibilidade de um atentado, nem de falha técnica.

O sistema ACARS revelou que às 2h26 locais (21h26 de Brasília da quarta-feira) foi detectada fumaça no banheiro do Airbus A320 e, um minuto depois, o mesmo sistema enviou uma nova mensagem alertando que também havia fumaça proveniente dos sistemas eletrônicos.

A última comunicação enviada do avião foi às 21h29 de Brasília da quarta-feira e o contato foi perdido quatro minutos depois, segundo o “The Aviation Herald”.

As Forças Armadas do Egito encontraram ontem algumas peças do avião e restos humanos em uma área no mar situada cerca de 290 quilômetros ao norte da cidade egípcia de Alexandria.

As operações de busca e resgate continuam e nelas também colaboram equipes de França, Reino Unido, Itália e Grécia, cujo ministro da Defesa, Panos Kamenos, confirmou que os restos de pelo menos “um corpo humano, dois assentos e uma ou várias peças de bagagem” foram encontrados.

Kamenos explicou que os objetos estavam em uma área situada ligeiramente ao sul de onde o A-320 desapareceu e que o avião não tinha desviado de sua trajetória de voo prevista. 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s