MSF diz que 12 hospitais foram bombardeados na Síria

Neste período, alerta a Médicos sem Fronteiras, 35 pessoas entre pacientes sírios e equipe médica morreram e 72 ficaram feridos nos ataques

Viena – A organização humanitária Médicos sem Fronteiras informou que 12 hospitais foram bombardeados no último mês na Síria, incluindo seis que são apoiados pelo grupo. Os ataques resultaram no fechamento de cinco unidades médicas.

Neste período, alerta a Médicos sem Fronteiras, 35 pessoas entre pacientes sírios e equipe médica morreram e 72 ficaram feridos nos ataques que atingiram Aleppo e Idlib, províncias do norte da Síria. Hama, na região central do país, também foi bombardeada.

Os ataques aéreos a hospitais coincidem com o início da campanha russa no país. 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s