Mulher que arrancou bebê do ventre da mãe é condenada

Americana foi declarada culpada por tentativa de homicídio, interrupção ilegal de gravidez e agressão com arma branca, e pegou 100 anos de prisão

Uma mulher foi condenada a 100 anos de prisão por atacar uma grávida e arrancar de seu ventre um bebê de sete meses no estado americano do Colorado, nos Estados Unidos, informou a imprensa local.

A grávida, de 26 anos, foi em março de 2015 à casa da autora do crime respondendo a um anúncio de venda de roupas de bebê.

A condenada, Dynel Lane, de 36 anos e que fingia estar grávida, a esfaqueou, arrancou a criança do útero da vítima e se apresentou a um hospital dizendo que havia sofrido um aborto espontâneo.

Lane, auxiliar de enfermagem formada, teria, segundo os médicos que socorreram a vítima, realizado uma incisão perfeita para retirar o feto.

A mulher foi declarada culpada por tentativa de homicídio, interrupção ilegal de gravidez e agressão com arma branca. A vítima conseguiu chamar a polícia, foi socorrida e sobreviveu ao ataque.

A juíza justificou a condenação pela brutalidade do crime. A advogada de defesa alegou que Lane ficou muito abalada pela morte de seu filho pequeno em 2002.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s