Número de francesas afiliadas ao EI chega a 220 em 2015

Esse aumento fica em evidência se comparado com as 164 francesas que tinham sido registradas em setembro no grupo terrorista

Paris – O número de mulheres francesas que foram à Síria e Iraque para se integrar às fileiras do Estado Islâmico (EI) subiu nos últimos meses a um ritmo muito superior ao dos homens e no final de 2015, foram contabilizadas 220 combatentes, segundo um relatório dos serviços secretos citado nesta sexta-feira pela “France Info”.

Esse aumento fica em evidência se comparado com as 164 francesas que tinham sido registradas em setembro no grupo terrorista, precisou a emissora de rádio.

Levando em conta que os serviços secretos franceses contabilizaram no total 600 pessoas de nacionalidade francesa que foram à Síria e Iraque recrutadas pelo EI, a porcentagem de mulheres subiu 35%, contra 10% que havia em 2013.

Não há constância de que nenhuma dessas mulheres tenha passado para o combate, de modo que seus principais tipos de perfis são dois: o das que foram para buscar um marido jihadista e o das que foram para se unir com marido ou com sua família instalada na Síria ou Iraque.

A proporção entre estas mulheres convertidas ao islã é superior à dos homens.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s