Pai teria matado filho se soubesse de planos terroristas

"Com certeza, estou surpreso", afirmou Said Mohamed-Aggad à imprensa diante de sua casa em Bischheim, subúrbio de Estrasburgo

O pai de Fued Mohamed-Aggad, terceiro homem-bomba da casa de espetáculos Bataclan, afirmou que, até esta quarta-feira, ignorava que o filho era um dos autores dos atentados de Paris, e disse que o teria “matado antes caso soubesse o que o mesmo planejava”.

Depois de receber da Síria uma mensagem telefônica que informava a morte de Mohamed-Aggad, a própria família do jovem de 23 anos alertou a justiça francesa, que conseguiu assim identificá-lo formalmente no fim de semana passado, graças a exames de DNA, segundo uma fonte próxima ao caso.

A identificação foi confirmada nesta quarta-feira pelo primeiro-ministro francês, Manuel Valls.

“Com certeza, estou surpreso”, afirmou Said Mohamed-Aggad à imprensa diante de sua casa em Bischheim, subúrbio de Estrasburgo.

Ele declarou que se soubesse o que o filho estava preparando, “o teria matado antes”.

“Sabia que havia viajado para a Síria há dois anos, mas não que havia retornado”, disse.

“A última vez que o vi foi há dois anos, quando foi embora. Não tenho palavras, fiquei sabendo esta manhã, tenho que me recuperar”, completou.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s