Papa expressa “dor” e “horror” por ataque em igreja francesa

"O papa está informado e partilha da dor e do horror por esta violência absurda, condenando radicalmente toda forma de ódio", afirmou o porta-voz do Vaticano

Cidade do Vaticano – O papa Francisco expressou “dor” e “horror” pela “violência absurda” que representa o ataque feito na missa das 10h (horário local) na Igreja de Saint-Étienne-du-Rouvray, na França, que terminou com a morte do padre e deixou outra pessoa gravemente ferida, de acordo com o porta-voz do Vaticano, Federico Lombardi.

“O papa está informado e partilha da dor e do horror por esta violência absurda, condenando radicalmente toda forma de ódio. O episódio abala ainda mais por ter ocorrido em uma igreja, local sagrado onde se anuncia o amor de Deus, onde foi barbaramente morto um sacerdote e envolvidos alguns fiéis”, afirmou Lombardi aos jornalistas.

Ainda conforme o porta-voz, o Vaticano está acompanhando de perto as informações que chegam de lá.

Segundo a “News. VA”, a agência oficial da Igreja, a ação foi comandada por dois sequestradores, que foram mortos pela Polícia. O presidente da França, François Hollande, e o ministro do Interior, Bernard Cazeneuve, estão a caminho do local. A motivação do crime ainda é desconhecida. 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s