Papa Francisco pede solução à crise migratória cubana

A onda de imigrantes cubanos rumo aos EUA cresceu quase 80% em 2015

Cidade do Vaticano – O papa Francisco pediu neste domingo aos países envolvidos que realizem “os esforços necessários para encontrar uma solução” para a crise migratória cubana na América Central, que descreveu como um “drama humanitário”.

“Meu pensamento neste momento está com os vários imigrantes cubanos que se encontram em dificuldades na América Central, muitos deles são vítimas do tráfico de seres humanos”, disse o papa da janela do Palácio Apostólico após a reza do Ângelus.

“Convido os países da região a renovar com generosidade todos os esforços necessários para encontrar uma oportuna solução para este drama humanitário”, acrescentou.

Milhares de imigrantes cubanos estão na Costa Rica à espera de poder continuar sua viagem rumo aos Estados Unidos após a Nicarágua decidir fechar sua fronteira com o território costa-riquenho, com o argumento de evitar uma crise humanitária e a emigração ilegal.

A onda de imigrantes cubanos rumo aos EUA cresceu quase 80% em 2015, perante o temor que o degelo entre Washington e Havana ponha fim, a qualquer momento, às vantagens migratórias dos cubanos que chegam ao território americano. 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s