Papa pede que Polônia receba refugiados

Em seu primeiro discurso na Polônia, o pontífice pediu aos governantes para que evitem a emigração de seus compatriotas, mas também se abram aos refugiados

Cracóvia – O papa Francisco chegou nesta tarde à Polônia e pediu ao governo do país para se mostrar “disponível” para receber imigrantes, “aqueles que fogem das guerras e da fome”, no primeiro discurso feito na Cracóvia, perante as autoridades no Castelo de Wawel.

Francisco ficará na cidade polonesa até o próximo domingo para participar da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) 2016, e em seu primeiro ato foi ao Palácio Real para uma reunião com o presidente polonês, Andrzej Duda.

Em seu primeiro discurso na Polônia, o pontífice pediu aos governantes para que evitem a emigração de seus compatriotas, mas também se abram aos refugiados. 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s