Paquistanês é condenado nos EUA por planejar ataque

O estudante paquistanês Abid Naseer, de 29, foi condenado a 40 anos de prisão, em Nova York, por planejar atentados em nome da Al-Qaeda

Nova York – O estudante paquistanês Abid Naseer, de 29, foi condenado a 40 anos de prisão, nesta terça-feira, em Nova York, por planejar atentados em nome da Al-Qaeda contra um shopping na Inglaterra, contra o metrô nova-iorquino e contra um jornal dinamarquês.

Naseer foi detido em 2009 na Grã-Bretanha, junto com outros 11 suspeitos de preparar um atentado contra um shopping em Manchester. Embora a acusação tenha sido considerada improcedente em 2013, o rapaz foi extraditado para os Estados Unidos.

O paquistanês foi declarado culpado em março por apoio material a uma organização terrorista estrangeira e de complô para o uso de arma de destruição. Ele sempre negou as acusações.

“Você não é um criminoso qualquer”, declarou o juiz Raymond Dearie, nesta terça, ao decretar a sentença no tribunal federal de Brooklyn.

“Você é um terrorista. A investigação prova isso”, completou.

As autoridades americanas garantem que os atentados que estavam sendo preparados por Naseer foram planejados por lideranças da Al-Qaeda no Paquistão. Um desses atentados, que seria cometido no norte da Inglaterra, foi mencionado por Osama bin Laden em uma carta enviada antes da operação que resultou em sua morte, em maio de 2011.

Filho de uma família rica do Paquistão, Naseer estudava na Inglaterra. Hoje, ele disse esperar que possa cumprir sua pena nesse país, do qual tem boas recordações. Naseer também lembrou de sua paixão pelo campeonato de futebol inglês, em particular, pelo Manchester, sua equipe favorita. Também falou de seu interesse em ter um mestrado em Informática.

O juiz Dearie disse não entender como um jovem inteligente, que havia sido “um excelente jogador de críquete” e que teve um estilo de vida privilegiado e uma família amorosa, pode ter-se desviado para o terrorismo.

O advogado da defesa James Neuman pediu ao tribunal que fosse aplicada uma pena inferior a 30 anos de prisão, destacando que não há nada que mostre que Abid Naseer é um criminoso inveterado.

Neuman ressaltou que o atentado em Manchester nunca aconteceu, embora as autoridades tenham alegado que era iminente e que foi impedido, graças a uma oportunidade de intervenção da Polícia.

Vários amigos e familiares do acusado escreveram ao tribunal para testemunhar que Naseer é um homem prudente e cortês.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s