Paraguai endurece posição contra Venezuela no Mercosul

O governo aparentemente está descontente pelo fato de o Uruguai ter resolvido entregar a presidência temporária do bloco aduaneiro regional ao país caribenho

Assunção – O Paraguai endureceu nesta terça-feira sua posição contra a Venezuela, ao anunciar que não participará no próximo sábado, em Montevidéu, da reunião Grupo Mercado Comum, do Mercosul.

O governo paraguaio aparentemente está descontente pelo fato de o Uruguai ter resolvido entregar a presidência temporária do bloco aduaneiro regional ao país caribenho, imerso em uma crise política, econômica e social.

“Queremos que a Venezuela encontre a via mais conveniente para a solução dos problemas internos; não queremos nos imiscuir, mas sim acreditamos e estamos convencidos da existência de princípios e valores democráticos que todos devemos respeitar”, afirmou o ministro das Relações Exteriores paraguaio, Eladio Loizaga, em entrevista coletiva.

Loizaga acrescentou que o Uruguai “deveria continuar exercendo a presidência temporária até que a Venezuela mude sua situação”. O Mercosul tem como membros plenos Argentina, Brasil, Paraguai, Uruguai e Venezuela. Fonte: Associated Press.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s