Partido apresenta queixa contra Merkel por tráfico humano

"A senhora Merkel viola com sua política de fronteiras abertas o artículo 96 que prevê uma pena de cinco anos de prisão ou multa", indicou porta-voz

O partido populista alemão Alternative für Deutschland (AfD, Alternativa para a Alemanha) anunciou nesta sexta-feira que apresentou uma queixa contra a chanceler Angela Merkel por “tráfico de seres humanos” em razão de sua política migratória.

“A senhora Merkel viola com sua política de fronteiras abertas o artículo 96 (do código penal, sobre tráfico de seres humanos) que prevê uma pena de cinco anos de prisão ou multa”, indicou em um e-mail à AFP um porta-voz do partido, Christian Lüth.

“Esperamos que esta queixa seja levada adiante, mas ao mesmo tempo queremos alertar que a senhora Merkel viola as leis em vigor na Alemanha e na Europa”, destacou o porta-voz, considerando que a queixa deve fazer os “cidadãos questionarem se a migração descontrolada é de seu interesse”.

A queixa foi apresentada ao tribunal de Berlim, segundo AfD.

A chanceler tem recebido críticas, até mesmo de membros de seu partido, por sua decisão de acolher milhares de migrantes.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s