Piloto do F-16 que caiu no Arizona está ‘supostamente morto’

O piloto de um jato F-16 de combate que caiu na quinta-feira no Arizona procedia de Taiwan e "supostamente morreu" no acidente, segundo a Força Aérea

Los Angeles – O piloto de um jato F-16 de combate que caiu na quinta-feira no Arizona procedia de Taiwan e “supostamente morreu” no acidente, informou nesta sexta-feira a Força Aérea americana.

Este é o segundo F-16 dependente da base de Luke, no Arizona (sudeste dos Estados Unidos), que cai em três meses.

“Na noite passada, membros de nosso Conselho de Segurança Provisória encontraram restos humanos no local em que caiu o F-16 (que procedia) de Taiwan”, informou em um comunicado o major-general Scott Pleus.

“As provas me levam a crer que o piloto não sobreviveu, por isso é dado como morto”, completou. Será realizada uma necropsia nos restos mortais encontrados para assegurar que se trata do corpo do piloto taiwanês, cujo avião caiu na manhã da quinta-feira perto da pequena cidade de Bagdad, no Arizona.

A razão do acidente segue desconhecida e a investigação continua.

O F-16 é um caça fabricado pela Lockheed Martin e usado por cerca de 20 países.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s