Trudeau confirma decapitação de canadense por extremistas

Trudeau identificou a vítima como John Ridsdel e disse que seu governo irá trabalhar com o governo das Filipinas e parceiros para chegar aos responsáveis

Toronto – O primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, confirmou que a cabeça decapitada de um homem recuperada nas Filipinas pertence a um dos dois canadenses que mantidos reféns por militantes do grupo extremista filipino Abu Sayyaf desde setembro.

Trudeau identificou a vítima como John Ridsdel e disse que seu governo irá trabalhar com o governo das Filipinas e parceiros internacionais para chegar aos responsáveis por esse “ato hediondo”.

Dois homens em uma motocicleta deixaram um saco plástico com a cabeça de Ridsdel em uma rua na cidade de Jolo, província de Sulu, segundo a polícia local.

Os militantes do Abu Sayyaf haviam ameaçado decapitar um dos três homens – dois canadenses e um norueguês – raptados em setembro se uma grande quantia não fosse paga a eles.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s