Professor francês supostamente atacado inventou agressão

O professor, de 45 anos, foi novamente ouvido pelos investigadores, que tentam compreender o que levou o homem a inventar a história

Um professor da região de Paris que alegou ter sido agredido nesta segunda-feira de manhã com uma tesoura por um homem que disse pertencer ao grupo jihadista Estado Islâmico (EI) reconheceu ter inventado a história, declarou à AFP a promotoria de Paris.

O professor, de 45 anos, foi novamente ouvido pelos investigadores, que tentam compreender o que levou o homem a inventar a história, um mês após os ataques em Paris, indicou a promotoria.

Ele chegou a ser hospitalizado, com ferimentos superficiais no pescoço e testa.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s