Resgatados mineiros presos em mina há 41 dias na Tanzânia

resgate aconteceu no domingo,41 dias depois de uma das galerias da mina ilegal desabar, em 5 de outubro

Dar-es-Salam – Cinco mineiros foram resgatados com vida no distrito de Kahama, no nordeste da Tanzânia, após passarem 41 dias presos em uma mina ilegal de ouro, e seu estado de saúde é estável, informaram nesta terça-feira à Agência Efe fontes médicas do hospital onde estão sendo tratados.

“Sobrevivemos a base de comer baratas, rãs e pequenos insetos, e bebíamos água suja que era filtrada desde a superfície. Quando acabaram as pilhas das lanternas nos refugiamos em uma caverna que costumávamos utilizar para guardar as ferramentas”, relatou um dos sobreviventes à televisão pública tanzaniana.

O resgate aconteceu no domingo,41 dias depois de uma das galerias da mina ilegal desabar, em 5 de outubro, com 20 homens no interior.

Um total de 14 mineiros puderam sair e seis ficaram presos. Um deles morreu dias depois.

Agora os cinco sobreviventes estão sendo submetidos a uma dieta especial rica em vitaminas, carboidratos e gorduras para que recuperem o peso perdido durante o quase mês e meio que passaram sob a terra.

Os mineiros “mostram sintomas de melhora e já podem andar e reconhecer seus familiares, coisa que no domingo e na segunda-feira não conseguiam”, declarou a Efe o médico chefe do hospital do distrito de Kahama, Joseph Ngowi.

“Os mineiros estavam muito frágeis”, explicou hoje a porta-voz do Ministério de Energia e Minas, Badra Masoud, que contou que as tarefas de resgate tiveram várias complicações porque a galeria que desabou estava a 100 metros de profundidade.

A Tanzânia é o quarto produtor de ouro da África e a mineração ilegal é muito comum. A falta de formação e de ferramentas especializadas fazem com que se trate de uma profissão de alto risco.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s