Sete pessoas são condenadas à morte por atentado no Kuwait

Vinte e nove pessoas, entre elas sete mulheres, foram julgadas por envolvimento no atentado, cometido por um saudita

Um tribunal do Kuwait condenou à morte sete pessoas por envolvimento no atentado contra uma mesquita xiita, que foi reivindicado pelo Estado Islâmico, de acordo com a agência France Press.

Vinte e nove pessoas, entre elas sete mulheres, foram julgadas por envolvimento no atentado, cometido por um saudita, durante as orações semanais de sexta-feira, na mesquita de Al Imam al Sadeqque, que deixou 26 mortos e 27 feridos em 26 de junho deste ano.

Um dos condenados à morte é o motorista do carro que transportou o autor do atentado até a mesquita e outro é apelidado como “emir” do Estado Islâmico no país.

Entre os condenados estão também o proprietário do veículo, seu irmão e o dono da casa onde o saudita ficou escondido.

Os detidos são do Kuwait, da Arábia Saudita e do Paquistão.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s