Sobe para 18 número de mortos em ataque na Costa do Marfim

As vítimas são 15 civis e três soldados das forças especiais, além dos três agressores, informou o governo marfinense

Abidjan – O número de mortos do ataque terrorista ontem a um complexo hoteleiro no litoral da Costa do Marfim subiu para 18, dois a mais que no último balanço, informou a imprensa local nesta segunda-feira.

As vítimas são 15 civis e três soldados das forças especiais, além dos três agressores, informou o governo marfinense, que antes havia afirmado que eram seis os milicianos abatidos.

“Estes covardes ataques terroristas não serão tolerados na Costa do Marfim”, declarou o presidente, Alassane Ouattara, que garantiu que a situação “está sob controle” e que “a calma voltou a Grand Bassam”, a praia onde aconteceu o ataque.

A Al Qaeda no Magrebe Islâmico (AQMI) reivindicou ontem o atentado, o primeiro na Costa do Marfim, e o incluiu como parte da campanha de terror contra hotéis e regiões turísticas frequentadas por ocidentais no Sahel.

Ao meio-dia de domingo, três jihadistas armados com fuzis kalashnikov e granadas invadiram a de praia, e aos gritos de “Allahu akbar” (Alá é grande) começaram a disparar indiscriminadamente contra quem estava ali.

“Estava tomando algo no terraço do bar do hotel quando de repente escutei disparos e as pessoas começaram a correr”, contou à Agência Efe o empresário espanhol Jordi Martínez, proprietário da Playa, um pequeno hotel em Grand Bassam.

“No princípio achávamos que era um roubo em algum dos hotéis, mas nos demos conta que algo ia mal porque os disparos não paravam”, acrescentou Martínez.

Nos últimos meses, a AQMI intensificou seus ataques na região, após declarar que cidadãos ocidentais, especificamente os franceses, se tornaram alvo prioritário do grupo.

Em janeiro um comando da AQMI atacou o hotel Splendid, em Ouagadogou, em Burkina Fasso, matando 26 pessoas, e em novembro outro ataque semelhante em Bamaco, no Mali, deixou outros 27 mortos, entre funcionários e clientes do hotel.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s