Tribunal do Kuwait condena 2 à morte por espionagem para Irã

Tribunal kuwaitiano condenou dois homens à morte, acusados de espionar para o Irã e para o grupo libanês Hezbollah

Kuwait – Um tribunal kuwaitiano condenou dois homens, acusados de espionar para o Irã e para o grupo libanês Hezbollah, à morte nesta terça-feira, segundo uma testemunha da Reuters.

O caso também inclui posse de armas. Um dos homens que receberam a pena de morte era um iraniano que foi condenado à revelia, e o outro, um kuwaitiano que estava no tribunal.

Outros suspeitos foram condenados a penas que variam de 5 a 25 anos, e três foram inocentados.

As tensões entre os governos xiita do Irã e sunita dos países do Golfo aumentaram desde o surgimento de uma disputa diplomática entre Teerã e Riad, que irrompeu após a execução de um clérigo xiita proeminente, determinada por Riad neste mês.

A Arábia Saudita rompeu relações com Teerã depois que suas missões diplomáticas foram atacadas no Irã por manifestantes iranianos, enquanto o Kuwait determinou o retorno de seu representante no Irã.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s