Trump cresce e Hillary patina em campanha eleitoral dos EUA

Trump, o combativo e polêmico magnata do setor imobiliário, supera em 27% os 16 outros candidatos republicanos

O magnata Donald Trump tem reforçado sua liderança entre os republicanos, enquanto Hillary Clinton, favorita entre os democratas, patina na corrida presidencial dos Estados Unidos, de acordo com uma pesquisa divulgada nesta quinta-feira.

Trump, o combativo e polêmico magnata do setor imobiliário, supera em 27% os 16 outros candidatos republicanos, sete pontos a mais que o registrado na pesquisa realizada em julho pela universidade de Quinnipiac (costa oeste).

Ele é seguido pelo neurocirurgião Ben Carson aposentado com 13%; o ex-governador da Flórida Jeb Bush, com 8%; O senador Ted Cruz com 7%, e o senador Marco Rubio em quinto, com 6%.

“Outros do GOP (Grand Old Party: republicanos) parece que vão desaparecer. Trump demonstra que não precisa ser amado para ser um líder”, afirmou o vice-diretor das pesquisas de Quinnipiac, Tim Malloy.

O estilo abrasivo de Trump, incluindo a sua crítica cáustica e aberto aos rivais, levou alguns observadores a dizer que ele não tinha o temperamento para ser presidente.

No entanto, tem praticamente dominado a corrida desde que anunciou sua candidatura em junho passado.

Do lado democrata, entretanto, Clinton caiu 10 pontos desde a pesquisa de julho, registrando 45% de adesões, enquanto o senador Bernie Sanders subiu a 22%.

O vice-presidente Joe Biden, que não anunciou oficialmente sua candidatura, recebeu o apoio geral de 18%, mas “é o mais atraente em uma eleição geral em comparação com os republicanos mais bem posicionados”, segundo Malloy.

Biden venceria Trump por uma margem de oito pontos, a Bush por seis pontos e Rubio por três pontos. Clinton também os venceria, mas por uma margem menor: quatro pontos, dois pontos e um ponto, respectivamente.

Apesar da liderança de Trump no campo republicano, o magnata é o que registra a maior taxa de rejeição, com uma margem de 36% a 54%.

Bush também está mal posicionado, com 32% e 41%. Clinton, por sua vez, tem a pior margem até agora: 39% a 51%.

Já Biden recebeu uma taxa positiva de preferência de 46% a 41%. Rubio obtém 42-28 e Sanders 32-28.

De acordo com a sondagem, Trump e Clinton são percebidos como candidatos menos honestos e confiáveis. A pesquisa foi realizada entre 20 e 25 de agosto.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s