Turquia demite 8 mil agentes por suposta ligação com golpe

O diário oficial informou que juízes aposentados e promotores seriam autorizados a voltar a trabalhar, caso se candidatem a fazê-lo, nos próximos dois meses

Ancara – Autoridades turcas removeram cerca de 8.000 agentes de segurança do cargo, segundo o diário oficial do governo de sexta-feira, no mais recente expurgo de pessoas suspeitas de terem ligações com os responsáveis por um golpe fracassado em julho.

Do pessoal removido, 7.669 eram policiais e 323 eram membros da força de elite.

O diário oficial informou também que juízes aposentados e promotores seriam autorizados a voltar a trabalhar, caso se candidatem a fazê-lo, nos próximos dois meses, depois que cerca de 3.300 funcionários do Judiciário foram demitidos desde a tentativa de golpe, em 15 de julho.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s