UE apoiará cooperação entre Guiana Francesa e região

O programa, que tem um orçamento total de 28 milhões de euros, tem como objetivo fomentar o transporte e a mobilidade na região

Bruxelas – A Comissão Europeia (CE) anunciou nesta terça-feira que concederá 19 milhões de euros do orçamento comunitário a um programa de cooperação entre Guiana Francesa, Suriname e os estados do Amapá e Amazonas para o período 2014-2020.

O programa, que tem um orçamento total de 28 milhões de euros, tem como objetivo fomentar o transporte e a mobilidade na região, a proteção do meio ambiente, a saúde e o desenvolvimento de empresas no mercado regional, informou a CE em comunicado.

A comissária europeia de Política Regional, Corina Cretu, declarou que este programa “é um exemplo dos esforços da UE para suas regiões ultraperiféricas com o objetivo de ajudar seu desenvolvimento econômico e melhorar a qualidade de vida de seus habitantes”.

Em matéria de transporte, o projeto busca ampliar a oferta e promover a mobilidade nestas regiões, para as quais propõe ampliar a capacidade da balsa no rio Maroni para garantir a ligação por estrada entre Guiana Francesa e Suriname, com a qual espera-se que triplique o número de veículos que cruzam o rio ao ano.

Outra das prioridades estabelecidas pelo programa é a proteção da biodiversidade e o patrimônio natural e cultural da região, mediante ações específicas e conjuntas de preservação do meio ambiente especialmente em lugares que foram explorados pelo setor de mineração.

A UE também quer melhorar a qualidade da saúde na região, ajudando em particular na luta contra o HIV, a malária e a dengue, e promover a troca de profissinais médicos e o desenvolvimento da telemedicina.

O financiamento comunitário também contribuirá no desenvolvimento e na troca econômica entre estas regiões em setores-chave, como agroalimentação, energias renováveis, comunicação e ecoturismo.

A Guiana Francesa faz parte da União Europeia em qualidade de região ultraperiférica, o que concede acesso ao Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER), do qual sairão os 19 milhões de euros de cofinanciamento para este programa.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s