Governo uruguaio quer que Airbnb pague impostos

O Executivo uruguaio quer "formalizar" o Airbnb, disse a ministra do Turismo, indicando que houve uma reunião com os representantes da empresa

O governo uruguaio quer que a empresa americana de aluguel de imóveis Airbnb pague impostos, disse a ministra de Turismo, Liliam Kechichián, ao jornal local El Observador.

O Executivo uruguaio quer “formalizar” o Airbnb, disse a ministra na entrevista, indicando que houve uma reunião com os representantes da empresa, de quem se espera uma proposta.

“Se mostraram favoráveis a pagar impostos e serem legalizados, mas ainda não nos entregaram essa proposta”, explicou Kechichián.

Segundo o jornal, o Airbnb tem 4.300 ofertas no Uruguai na sua plataforma digital.

Segundo os números oficiais, o Uruguai recebeu cerca três milhões de turistas no ano passado.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s