Greve de pilotos custou 40 mi de euros para a Air France

Segundo dados divulgados nesta sexta-feira pela companhia aérea, o tráfego global de passageiros diminuiu 2,1% em relação a junho do ano passado

Paris – A greve de pilotos da Air France-KLM no mês de junho custou 40 milhões de euros ao grupo franco-holandês que comanda a companhia no resultado operacional e teve também um impacto negativo no tráfego de passageiros.

Segundo dados divulgados nesta sexta-feira pela companhia aérea, o tráfego global de passageiros diminuiu 2,1% em relação a junho do ano passado, com um claro contraste entre a filial de baixo custo Transavia, que teve um crescimento de 8,3%, e o resto da atividade, que registrou quedas.

No caso da Transavia, a progressão é explicada pelo desenvolvimento de suas atividades na França e na base de Munique.

No total, o grupo franco-holandês transportou 8,24 milhões de pessoas no mês passado e a taxa de ocupação de seus aviões foi de 85,5%.

Quanto ao transporte de mercadoria, o tráfego regrediu 9,4%, e o nível de enchimento de seus aviões manteve-se em 57,2%, 2,8 pontos percentuais a menos que no ano anterior.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s