Unimed Paulistana demite 1,5 mil da área administrativa

As demissões atingiram somente a área administrativa da operadora

São Paulo – Após ter de transferir seus 744 mil clientes para outras operadoras, a Unimed Paulistana anunciou a demissão de 1.500 funcionários, quase metade do seu quadro profissional direto.

De acordo com a empresa, 1.100 pessoas já foram demitidas e outras 400 cumprem aviso prévio da empresa.

“O anúncio das demissões foi justamente no dia 30, quando receberíamos o pagamento de setembro. Não recebemos o salário nem sabemos se vamos receber as verbas rescisórias”, diz um funcionário dispensado.

As demissões atingiram somente a área administrativa da operadora. A Unimed diz que pagará os valores devidos na próxima sexta-feira, 9.

O Sindicato dos Empregados de Cooperativas Médicas de São Paulo (Secmesp) entrou com liminar na Justiça pedindo o bloqueio dos ativos da Unimed para garantir o pagamento das verbas rescisórias.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s