O que é melhor para a empresa: cooperação ou competição?

Qual o melhor clima para a sua empresa: cooperação ou competição entre os funcionários?

O que é melhor para a empresa: um clima de cooperação ou de competição entre os funcionários?
Escrito por Alexandre Rangel, especialista em gestão de pessoas 

Há alguns anos passei por uma experiência interessante. Trabalhava em uma empresa que tinha uma filial de vendas em Curitiba. O gerente saiu de férias, e eu fui substituí-lo durante o mês de janeiro. No primeiro dia de trabalho, me reuni com os vendedores e perguntei a previsão de vendas de cada um para aquele período.

Eram oito vendedores, anotei os números que cada um falou que venderia. Quando somei, o total deu 92 toneladas. Quando falei o número todos riram, pois a filial jamais havia alcançado aquele volume. O máximo era 70 toneladas. Então, solicitei que revisassem os números e me apresentassem um dado mais realista. Ninguém optou por reduzir, todos afirmaram que iriam manter o número que haviam dito. Considerei as 92 toneladas a meta de vendas da filial.

Após a reunião, comprei oito bexigas coloridas, enchi-as de ar e escrevi em cada uma delas o nome do vendedor e a sua meta de venda. Pendurei-as no teto da empresa e disse que, quando um vendedor alcançasse sua meta, estouraria seu balão e os trabalhos seriam paralisados, para que comemorássemos com pizza e refrigerante.

O efeito psicológico foi enorme, pois todos queriam ver seu balão estourado. E assim, à medida que iam ultrapassando as metas, diminuía a quantidade de balões no teto. Até que faltou o último balão, do Antônio, que estava com dificuldade de alcançar seu objetivo. Para que ele não ficasse sem ouvir o barulho do estouro de seu balão, e para que a filial obtivesse o recorde de vendas, todos os sete vendedores ajudaram o colega a superar sua meta. Às 18h do dia 31 de janeiro daquele ano, Antônio ouviu o estouro. Os vendedores bateram o recorde de vendas de 92 toneladas para aquele período.

No início, havia um clima de competição individual entre os vendedores, para ver quem estourava mais rapidamente seu balão. Em seguida, surgiu o sentimento de cooperação, para que o colega completasse seu objetivo e, com isso, a filial também batesse a meta global de 92 toneladas, que era um grande desafio para todos.

Esse é o melhor exemplo que posso dar para responder a uma questão, quando se fala em trabalho em equipe: “O que é melhor para a empresa: um clima de cooperação ou de competição entre os funcionários?” Competição e cooperação são coisas que andam juntas. Quando desenvolvidas de forma saudável, todos ganham, tanto os colaboradores quanto a empresa. O importante é conceder desafios individuais, mas que estejam atrelados a um objetivo global, e que possam ser conquistados por todos, seja qual for o departamento da empresa. 

Alexandre Rangel é coach, autor do livro O que Podemos Aprender com os Gansos e sócio-fundador da Alliance Coaching.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s