Startup planeja sua viagem, mas não conta para onde você vai

A startup Pack Up + Go faz todo o trabalho e só conta ao turista sobre o destino quando ele vai embarcar. Você faria uma viagem surpresa?

São Paulo – Planejar uma viagem e decidir o destino do passeio pode ser bem trabalhoso. E ninguém quer viajar para ficar estressado, certo?

Foi pensando nisso que a empreendedora americana Lillian Rafson, de apenas 23 anos, decidiu criar a Pack Up + Go, uma agência de viagens que planeja todo o passeio para você, mas não te conta para onde você vai.

“Quer viajar no fim de semana, mas não sabe para onde? E se você não sabe para onde quer ir? E se você quiser ser surpreendido?”, diz o site do negócio.

É isso mesmo. Os clientes da Pack Up + Go respondem a um questionário, que inclui informações como o valor que estão dispostos a desembolsar, seus hobbys e do que gostam de fazer quando estão viajando. A partir daí, a startup faz todo o trabalho e só conta ao turista sobre o destino quando ele vai embarcar.

A brincadeira tem deixado os turistas satisfeitos. “A ideia de não ter que planejar a viagem, de ser uma surpresa, é muito excitante. A viagem superou as expectativas”, disse uma das clientes da startup em depoimento no site.

A ideia do negócio surgiu quando Rafson estava – adivinhem? – viajando pelo leste europeu e lá encontrou um serviço parecido. A Pack Up + Go planeja apenas viagens de 3 dias, para locais não muito distantes. Ou seja, como é uma empresa americana, os destinos estão sempre nos Estados Unidos.

“Já que é uma viagem surpresa, optamos por enviar o cliente para cidades onde ele conhece a língua e pode usar seu celular sem problemas”, explica Rafson ao Tech Insider.

Outra justificativa, segundo a empreendedora, é ajudar a alimentar os pequenos negócios locais em cidades às vezes esquecidas pelos turistas americanos.

A startup começou a funcionar em janeiro deste ano e já superou as expectativas da empreendedora. Segundo a Forbes, a projeção inicial era ter de 50 a 100 viagens no ano, mas a empresa já planejou cerca de 250 passeios em seis meses de operação.

O público das viagens surpresa é bem variado e inclui desde amigos com mais de 40 anos até jovens de 20 e poucos, além de mães e filhas em um passeio no fim de semana.

O negócio de Rafson tem feito tanto sucesso nos Estados Unidos que já foi contatado pelo reality show Shark Tank, em que empreendedores buscam investimento, e até procurado por uma emissora de televisão interessada em fazer um programa com a ideia das viagens secretas, ainda segundo a Forbes.

Quem sabe a ideia não chega também aqui no Brasil?

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s