Recuperação lucrativa do desperdício de calor: armazenamento térmico em estrutura de concreto aumenta a eficiência industrial

OSLO, Noruega, 16 de agosto de 2016 /PRNewswire/ -- Operações industriais requerem muita energia e grande parte dela vira desperdício de calor após seu uso. O armazenamento de energia térmica da EnergyNest agora garante que esta reserva de energia amplamente inexplorada possa ser convertida de maneira eficaz. Uma vez armazenado, o calor desperdiçado deslocado pode ser usado de diversas maneiras; por exemplo, para fornecer vapor processado, para gerar energia própria ou para estabilizar toda rede elétrica. Há muitas vantagens, mas a principal delas é o aumento significativo da eficiência dos recursos. Consequentemente, operações industriais tornam-se mais ecológicas. Retrofits industriais não só geram um melhor equilíbrio de energia, como estes projetos também têm um rápido retorno financeiro, algo que os torna economicamente muito atraentes.

OSLO, Noruega, 16 de agosto de 2016 /PRNewswire/ — Operações industriais requerem muita energia e grande parte dela vira desperdício de calor após seu uso. O armazenamento de energia térmica da EnergyNest agora garante que esta reserva de energia amplamente inexplorada possa ser convertida de maneira eficaz. Uma vez armazenado, o calor desperdiçado deslocado pode ser usado de diversas maneiras; por exemplo, para fornecer vapor processado, para gerar energia própria ou para estabilizar toda rede elétrica. Há muitas vantagens, mas a principal delas é o aumento significativo da eficiência dos recursos. Consequentemente, operações industriais tornam-se mais ecológicas. Retrofits industriais não só geram um melhor equilíbrio de energia, como estes projetos também têm um rápido retorno financeiro, algo que os torna economicamente muito atraentes.

Foto: http://photos.prnewswire.com/prnh/20160816/398417
Foto: http://photos.prnewswire.com/prnh/20160816/398418

Um elemento desta nova solução técnica é o HEATCRETE® – um concreto de alto desempenho, que é composto 75% por agregados de quartzo e 25% por aditivos. Uma estrutura de aço de transporte contém tubos de aço com carbono colocados no HEATCRETE®, através do qual um fluido de transferência de calor carrega e descarrega o sistema de armazenamento a uma pressão de até 160 bar. Um único módulo, que cabe em um container padrão de 40 pés, fornece uma capacidade energética de até dois megawatts-hora de energia térmica. Devido à sua estrutura modular, este sistema pode ser ajustado para o intervalo de hora em gigawatts.

Este sistema é muito mais barato se comparado a outras tecnologias de armazenamento de energia – cerca de 20 a 25 dólares americanos por quilowatt-hora: uma fração dos custos com bateria. Devido à sua estrutura rígida e por não ter peças móveis, o sistema de armazenamento funciona praticamente sem precisar de manutenção, de modo que os custos operacionais são um quinto do que outros sistemas de armazenamento requerem. O potencial para geração de energia própria através do deslocamento do calor desperdiçado é imenso. Por exemplo, empresas podem evitar tarifas de preço de pico com sua própria instalação para transformar desperdício de calor em energia.

Para obter mais informações, visite: http://www.energy-nest.com

Yamaoka International RP
Jana Erhart
E-mail: energynest@yamaoka.de 
Telefone: +49-4030-032-615

FONTE EnergyNest

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s