As ações mais indicadas para maio, segundo 18 corretoras

Ações do Itaú lideram as recomendações novamente e Ambev e Cielo ficam na segunda e na terceira posição, respectivamente

São Paulo – Assim como no mês abril, as ações do Itaú Unibanco lideraram as recomendações de corretoras para maio. Os papéis do banco foram sugeridos em dez das 18 carteiras recomendadas de ações recebidas por EXAME.com.

Em segundo lugar, com nove indicações, aparecem as ações da Ambev e em terceiro lugar ficaram os papéis da Cielo, que foram indicados por oito corretoras.

No mês de abril, a carteira com melhor desempenho foi a do BB Investimentos, que registrou valorização de 11,5%, bem acima do resultado do Ibovespa, que subiu 7,7%. Na outra ponta, a carteira da Lerosa apresentou o pior desempenho, uma leve alta de 0,81%.

Justificativas

Os analistas da XP Investimentos afirmam que as ações do Itaú Unibanco (ITUB4) apresentam uma das melhores relações entre risco e retorno da bolsa.

Eles justificam que, mesmo com o cenário desafiador da economia, a originação de crédito do Itaú é feita de forma bastante criteriosa, o que permite manter o nível de inadimplência de sua carteira em baixa. Além disso, eles ressaltam que o banco tem aproveitado de forma eficiente o alto patamar dos juros básicos da economia e tem enxugado custos nos últimos trimestres.

A Geral Investimentos também destaca, por meio de seu relatório, que o Itaú apresenta os melhores índices de rentabilidade do setor e deve seguir apresentando bons níveis de lucratividade e crescimento, graças ao seu rigoroso controle de custos e aos critérios de concessão de crédito ajustados. 

Para justificar a indicação da Ambev (ABEV3), o relatório do Citi afirma que o desempenho da fabricante de bebidas no quarto trimestre de 2015 ficou em linha com as expectativas dos analistas e há expectativa de elevação dos lucros para o ano de 2016, o que pode ocorrer com a expansão da empresa no setor de cervejas premium. 

Já a Cielo (CIEL3) é indicada, segundo a Geral Investimentos, porque as empresas adquirentes de cartões possuem um perfil que alia uma forte geração de caixa a ótimas perspectivas de crescimento. Analistas de diferentes corretoras afirmam que o setor de meio de pagamentos deve se expandir com o aprimoramento das opções de crédito no país e o aumento da utilização de cartões.

Perspectivas

Conforme destaca o relatório do BB Investimentos, o cenário externo não apresenta grandes riscos para a bolsa brasileira, já que a desaceleração da China segue dentro do esperado e o Fed, o banco central norte-americano, sinalizou que não deve elevar a taxa básica de juros dos Estados Unidos no curto prazo.

Internamente, o BB destaca que as perspectivas para a economia têm sido mais favoráveis, como evidencia o mais recente Boletim Focus, do Banco Central, que apresentou reduções nas projeções de inflação e dos juros básicos para os anos de 2016 e 2017. “Assim, as perspectivas dos agentes de um cenário interno mais ameno vão sendo precificadas, o que poderá implicar a permanência do Ibovespa em tendência de alta”, dizem os analistas do BB.

Já a Guide Investimentos tem uma visão um pouco mais pessimista. Os analistas da corretora destacam que o bom desempenho da bolsa em abril foi puxado pelo aumento do preço das commodities no mundo inteiro e pelo otimismo gerado no mercado com o avanço do processo de impeachment. No entanto, a corretora afirma que do ponto de vista dos fundamentos pouca coisa mudou.

“Ainda não vislumbramos melhora no front fiscal, e o recrudescimento da crise política continua a postergar os ajustes estruturais necessários para o país. Ou seja, se o atual enredo político balançou favoravelmente as expectativas dos agentes, os fundamentos continuam a se deteriorar. Mais: a bolsa nos níveis atuais está cara se levarmos em consideração a relação de lucro das empresas”, afirma o relatório da Guide.

Confira a seguir as recomendações das corretoras para o mês de maio.

Ativa

Desempenho em abril: +5,92%. Desempenho no acumulado de 2016: +8,35%.

Ação incluída: Via Varejo. Ação retirada: São Martinho.

Ação Preço-alvo Peso
Ambev (ABEV3) ND 10,0%
BR Malls (BRML3) ND 10,0%
Equatorial (EQTL3) ND 15,0%
Itaú Unibanco (ITUB4) ND 15,0%
Lojas Americanas (LAME4) ND 10,0%
Metal Leve (LEVE3) ND 10,0%
Petrobras (PETR4) ND 10,0%
Raia Drogasil (RADL3) ND 10,0%
Suzano (SUZB5) ND 5,0%
Via Varejo (VVAR11) ND 5,0%

BB Investimentos

Desempenho em abril: +11,5%. Desempenho no acumulado de 2016: +25,0%.

Ações incluídas: BRF, CTEEP Localiza, M. Dias Branco, Petrobras, Sabesp. Ações retiradas: Cosan, Eztec, Itaú Unibanco, Mills, Porto Seguro.

Ação Preço-alvo Peso
Bradesco (BBDC4) ND 15,0%
BRF (BRFS3) ND 7,5%
CCR (CCRO3) ND 10,0%
CTEEP (TRPL4) ND 7,5%
Gerdau (GOAU4) ND 10,0%
Localiza (RENT3) ND 10,0%
M. Dias Branco (MDIA3) ND 7,5%
Petrobras (PETR4) ND 10,0%
Sabesp (SBSP3) ND 7,5%
Vale (VALE5) ND 15,0%

Benndorf

Desempenho em abril: +10,25%. Desempenho no acumulado de 2016: +13,23%.

Ações incluídas: BR Malls, CCR e Weg. Ações retiradas: BM&FBovespa, Cosan e Embraer.

Ação Preço-alvo Peso
Weg (WEGE3) ND 6,0%
Ultrapar (UGPA3) ND 9,0%
Sabesp (SBSP3) ND 6,0%
Petrobras (PETR4) ND 5,0%
Lojas Renner (LREN3) ND 7,0%
Klabin (KLBN11) ND 6,0%
Itaú Unibanco (ITUB4) ND 7,0%
Equatorial (EQTL3) ND 9,0%
Cielo (CIEL3) ND 9,0%
Cetip (CTIP3) ND 8,0%
CCR (CCRO3) ND 6,0%
BR Malls (BRML3) ND 6,0%
BB Seguridade (BBSE3) ND 6,0%
Ambev (ABEV3) ND 10,0%

Bradesco

Desempenho em abril: +6,0%. Desempenho em 2016: +12,9%.

Ações incluídas: Aliansce e Lojas Renner. Ações retiradas: Cemig e EDP Energias do Brasil.

Ação Preço-alvo Peso
Aliansce (ALSC3) R$ 15,00 10,0%
BB Seguridade (BBSE3) R$ 35,00 10,0%
BRF (BRFS3) R$ 65,00 10,0%
CCR (CCRO3) R$ 16,00 10,0%
Cielo (CIEL3) R$ 31,00 10,0%
Estácio (ESTC3) R$ 18,00 10,0%
Hypermarcas (HYPE3) R$ 36,00 10,0%
Localiza (RENT3) R$ 35,00 10,0%
Lojas Renner (LREN3) R$ 24,00 10,0%
M. Dias Branco (MDIA3) R$ 90,00 10,0%

Citi

Desempenho em abril: +0,8%. Desempenho no acumulado de 2016: +7,2%.

Ações incluídas: CCR e Iguatemi. Ações retiradas: Itaú Unibanco e Klabin.

Ação Preço-alvo Peso
AES Tietê (TIET11) R$ 16,70 10,0%
Ambev (ABEV3) R$ 23,00 10,0%
BB Seguridade (BBSE3) R$ 32,80 10,0%
BRF (BRFS3) R$ 74,00 10,0%
CCR (CCRO3) R$ 16,00 10,0%
Cielo (CIEL3) R$ 33,33 10,0%
Cosan (CSAN3) R$ 37,00 10,0%
Embraer (EMBR3) R$ 31,78 10,0%
Iguatemi (IGTA3) R$ 27,50 10,0%
Sabesp (SBSP3) R$ 32,10 10,0%

Coinvalores

Desempenho em abril: +9,92%. Desempenho no ano: +15,02%

Ações incluídas: Multiplus, Ultrapar. Ações retiradas: BRF, Smiles.

Ação Preço-alvo Peso
Bradesco (BBDC4) ND 8,0%
CCR (CCRO3) ND 8,0%
Cetip (CTIP3) ND 8,0%
Copel (CPLE6) ND 8,0%
Gerdau (GGBR4) ND 8,0%
Itaú Unibanco (ITUB4) ND 8,0%
Multiplus (MPLU3)   8,0%
Raia Drogasil (RADL3) ND 8,0%
Suzano (SUZB5) ND 6,0%
Ultrapar (UGPA3) ND 8,0%
Vale (VALE5) ND 8,0%
Valid (VLID3) ND 6,0%
Weg (WEGE3) ND 8,0%

Geração Futuro

Desempenho em abril: +8,14%. Desempenho no acumulado de 2016: + 20,49%.

Ações incluídas: Banco do Brasil, BM&FBovespa, Hypermarcas, Ligth e Sid Nacional. Ações retiradas: Lojas Renner e Raia Drogasil.

Ação Preço-alvo Peso
Ambev (ABEV3) ND 10,0%
Banco do Brasil (BBAS3) ND 5,0%
BM&FBovespa (BVMF3) ND 10,0%
Bradespar (BRAP4) ND 5,0%
Cielo (CIEL3) ND 10,0%
Cosan (CSAN3) ND 5,0%
Equatorial (EQTL3) ND 10,0%
Hypermarcas (HYPE3) ND 10,0%
ItauUnibanco (ITUB4) ND 10,0%
Light (LIGT3) ND 5,0%
Localiza (RENT3) ND 5,0%
Multiplan (MULT3) ND 5,0%
Sid Nacional (CSNA3) ND 10,0%

Elite

Desempenho em abril: +8,53%. Desempenho no acumulado de 2016: +24,06%.

Não houve alterações na carteira no mês.

Ação Preço-alvo Peso
Ambev (ABEV3) ND 10,00%
BB Seguridade ND 5,00%
Bradesco (BBDC4) ND 10,00%
BRF (BRFS3) ND 5,00%
Cetip (CTIP3) ND 5,00%
Fibria (FIBR3) ND 5,00%
Hypermarcas (HYPE3) ND 5,00%
Itaú Unibanco (ITUB4) ND 15,00%
Kroton (KROT3) ND 5,00%
Localiza (RENT3) ND 5,00%
Lojas Renner (LREN3) ND 5,00%
Petrobras (PETR4) ND 5,00%
Qualicorp (QUAL3) ND 5,00%
Taesa (TAEE11) ND 5,00%
Ultrapar (UGPA3) ND 5,00%
Vale (VALE5) ND 5,00%

Geral Investimentos

Desempenho em abril: +2,86%. Desempenho acumulado em 2016: +10,08%.

Não houve alterações na carteira.

Ação Preço-alvo Peso
AES Tietê (TIET11) ND 10,0%
Ambev (ABEV3) ND 10,0%
BB Seguridade (BBSE3) ND 10,0%
BRF (BRFS3) ND 10,0%
Cielo (CIEL3) ND 10,0%
Hypermarcas (HYPE3) ND 10,0%
Itaú Unibanco (ITUB4) ND 10,0%
Raia Drogasil (RADL3) ND 10,0%
São Martinho (SMTO3) ND 10,0%
Ultrapar (UGPA3) ND 10,0%

Gradual

Desempenho em abril: +2,56%. Desempenho no ano: +14,17%.

Ações incluídas: CCR e JBS. Ações retiradas: BRF e TIM.

Ação Preço-alvo Peso
CCR (CCRO3) ND 10,0%
Cosan (CSAN3) ND 10,0%
Itaú Unibanco (ITUB4) ND 10,0%
Minerva (BEEF3) ND 10,0%
Pão de Açúcar (PCAR4) ND 10,0%
Suzano (SUZB5) ND 10,0%
JBS (JBSS3) ND 10,0%
Triunfo (TIPS3) ND 10,0%
Valid (VLID3) ND 10,0%
Weg (WEGE3) ND 10,0%

Guide

Desempenho em abril: +2,75%. Desempenho no acumulado de 2016: +4,60%.

Ação incluída: Lojas Renner. Ação retirada: EZTec.

Ação Preço-alvo Peso
CCR (CCRO3) ND 10,0%
Cetip (CTIP3) ND 10,0%
Equatorial (EQTL3) ND 10,0%
EZTec (EZTC3) ND 5,0%
Hypermarcas (HYPE3) ND 15,0%
Itaúsa (ITSA4) ND 15,0%
Klabin (KLBN11) ND 5,0%
São Martinho (SMTO3) ND 10,0%
Suzano (SUZB5) ND 5,0%
Ultrapar (UGPA3) ND 15,0%

Lerosa

Desempenho em abril: +0,81%. Desempenho no acumulado de 2016: +0,16%.

Não houve alterações na carteira.

Ação Preço-alvo Peso
AES Tietê (TIET11) ND 5,0%
Ambev (ABEV3) ND 10,0%
BB Seguridade (BBSE3) ND 10,0%
BRF (BRFS3) ND 10,0%
Cetip (CTIP3) ND 10,0%
Hypermarcas (HYPE3) ND 10,0%
Itaú (ITUB4) ND 10,0%
Klabin (KLBN11) ND 10,0%
Lojas Americanas (LAME4) ND 10,0%
Minerva (BEEF3) ND 10,0%
Suzano (SUZB5) ND 5,0%

Magliano

Desempenho em abril: +6,29%. Desempenho no ano: +12,4%

Ação incluída: Fleury. Ação retirada: BRF.

Ação Preço-alvo Peso
Ambev (ABEV3) ND 10,0%
Bradesco (BBDC4) ND 10,0%
Comgas (CGAS5) ND 10,0%
Cielo (CIEL3) ND 10,0%
Cetip (CTIP3) ND 10,0%
Fleury (FLRY3) ND 10,0%
Porto Seguro (PSSA4)   10,0%
Raia Drogasil (RADL3) ND 10,0%
Ultrapar (UGPA3) ND 10,0%
Vale(VALE3) ND 10,0%

Planner

Desempenho em abril: +4.06%. Desempenho no ano: +13.92%

Ações incluídas: Bradesco, Klabin, Lojas Renner, Pão de Açúcar. Ações retiradas: CCR, Cielo, Embraer e Ferbasa.

Ação Preço-alvo Peso
Bradesco (BBDC4) R$ 28,00 10,00%
BRF (BRFS3) R$ 70,00 10,00%
Copel (CPLE6) R$ 34,00 10,00%
Estácio (ESTC3) R$ 15,70 10,00%
Grendene (GRND3) R$ 18,00 10,00%
Klabin (KLBN11) R$ 23,00 10,00%
Lojas Renner (LREN3) R$ 21,50 10,00%
Minerva (BEEF3) R$ 14,50 10,00%
Pão de Açúcar (PCAR4) R$ 55,00 10,00%
Weg (WEGE3) R$ 15,64 10,00%

Quantitas

Desempenho em abril: +6,50%. Desempenho no acumulado de 2016: +16,64%.

Ações incluídas: Ambev, M. Dias Branco e Randon. Ações retiradas: Alpargatas, Grendene e Ultrapar.

Ação Preço-alvo Peso
Ambev (ABEV3) ND 10,0%
Banco do Brasil (BBAS3) ND 10,0%
Bradesco (BBDC4) ND 10,0%
Braskem (BRKM5) ND 10,0%
Cielo (CIEL3) ND 10,0%
M. Dias Branco (MDIA3) ND 10,0%
Guararapes (GUAR3) ND 10,0%
Itaú (ITUB4) ND 10,0%
Klabin (KLBN11) ND 10,0%
Random (RAPT4) ND 10,0%

Rico

Desempenho em abril: +8,89%. Desempenho no ano: +12,54%.

Ações incluídas: Alupar, BR Malls, Eletropaulo, Santander, Ser Educacional, Weg. Ações retiradas: CCR, Itaú Unibanco, Lojas Renner, Multiplan, Qualicorp e Ultrapar .

Ação Preço-alvo Peso
Alupar (ALUP11) ND 10,0%
BM&FBovespa (BVMF3) ND 10,0%
BR Malls (BRML3) ND 10,0%
Cielo (CIEL3) ND 10,0%
Eletropaulo (ELPL4) ND 10,0%
Petrobras (PETR4) ND 10,0%
Raia Drogasil (RADL3) ND 10,0%
Santander (SANB11) ND 10,0%
Ser Educacional (SEER3) ND 10,0%
Weg (WEGE3) ND 10,0%

XP Investimentos

Desempenho em abril: +3,6%. Desempenho no ano: +11,7%

Ações incluídas: Ecorodovias, Lojas Americanas e Lojas Renner. Ações retiradas: Bradesco, Klabin e Vivo.

Ação Preço-alvo Peso
BB Seguridade (BBSE3) ND 15,00%
BM&FBovespa (BVMF3) ND 23,00%
Itaú Unibanco (ITUB4) ND 25,00%
Lojas Americanas (LAME4) ND 10,00%
Lojas Renner (LREN3) ND 10,00%
Ecorodovias (ECOR3) ND 7,00%
Ultrapar (UGPA3) ND 10,0%

Walpires

Desempenho em março: +9,89%. Desempenho no ano: +2,90%.

Ações incluídas: Kroton, Lojas Marisa, M. Dias Branco, Petrobras, Santander, Vale e Weg. Ações retiradas: Ambev, Bradesco, Bradespar, Cemig, Cosan, Gerdau e Itaú Unibanco. 

Ação Preço-alvo Peso
Copasa (CSMG3) ND 10,0%
Kroton (KROT3) ND 10,0%
Lojas Marisa (AMAR3) ND 10,0%
M. Dias Branco (MDIA3) ND 10,0%
Petrobras (PETR4) ND 10,0%
Santander (SANB11) ND 10,0%
Usiminas (USIM5) ND 10,0%
Vale (VALE3) ND 10,0%
Weg (WEGE3) ND 10,0%

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s