Como descobrir o melhor banco para financiar o seu carro

Banco Central divulga semanalmente a taxa média cobrada por cada banco para financiar a compra do carro

Quem pretende financiar a compra de um carro ou moto pode consultar as taxas de juros médias cobradas pelos bancos nesse tipo de empréstimo no site do Banco Central (BC).

A tabela com as taxas médias praticadas por cada instituição é divulgada semanalmente pelo BC. A comparação inclui mais de 40 bancos de médio e grande porte, bancos pertencentes a montadoras e também financeiras.

De acordo com levantamento feito pelo BC entre os dias 16 e 22 de outubro, as taxas cobradas variavam entre 1,08% e 3,95% ao mês, em média.

Para mostrar a importância de comparar os juros cobrados pelos bancos nessa modalidade de crédito, EXAME.com realizou uma simulação na Calculadora do Cidadão, disponível no site do Banco Central, para verificar qual seria o custo de um financiamento de um carro com a taxa mais cara e a mais barata, conforme levantamento do BC. A simulação considerou um carro de 40 mil reais, uma entrada de 10 mil reais e um prazo de três anos (36 meses) para o financiamento. 

Como resultado, o consumidor que optar pelo empréstimo com a taxa mais barata, de 1,08%, oferecido pela financeira da BMW, ao invés do crédito com a taxa mais cara, de 3,95%, cobrada pela financeira Dacasa, poderá economizar 20.354,36 reais.

Enquanto o comprador pagaria no banco da BMW parcelas mensais de 1.010,24 reais e um valor de 36.368,64 reais ao final do financiamento, sem considerar a entrada, na Dacasa as parcelas subiriam para 1.575,64 reais, totalizando 56.723 reais (sem a entrada).

Análise deve incluir CET

Para verificar qual financiamento é mais vantajoso, não basta comparar as taxas de juros oferecidas pelas instituições financeiras. É necessário também verificar qual o Custo Efetivo Total (CET) da operação.

O CET é a taxa que mostra não só os juros, como todos os encargos incluídos no financiamento do carro, como despesas com tarifas de abertura de crédito, seguro contra inadimplência, impostos e taxas administrativas. Quanto menor o valor do custo efetivo total, menor o valor final a ser pago pelo consumidor.

A legislação obriga que o banco divulgue o CET aos clientes, que deve estar necessariamente incluído no contrato do empréstimo. 

Montadoras costumam oferecer taxas menores

As instituições financeiras ligadas a montadoras costumam oferecer taxas mais baixas do que os bancos de varejo porque as montadoras subsidiam as taxas, como forma de incentivar as compras.

De acordo com os dados do BC, entre as dez instituições financeiras que cobram as menores taxas médias para aquisição de veículos sete eram ligadas a montadoras. Apenas dois bancos de varejo, o Bradesco e o HSBC, figuravam nas dez primeiras posições do ranking.

De todo modo, vale a pena consultar tanto com o gerente do seu banco, quanto com os vendedores das concessionárias (que costumam oferecer o financiamento pelo banco da montadora), quais são as condições oferecidas no financiamento.

Dependendo do momento, o banco de varejo pode até oferecer taxas mais atrativas. A Caixa, por exemplo, realizou recentemente um feirão de automóveis no qual oferecia taxas reduzidas a clientes que financiassem a compra do carro pelo banco.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s