Elon Musk dá boas vindas a foguete reutilizável da SpaceX

A SpaceX apresentou o sonho de ter uma nave reutilizável transformando um foguete Falcon 9 na primeira peça de um foguete orbital a pousar de volta na Terra

A SpaceX apresentou o sonho de Elon Musk de ter uma nave espacial reutilizável transformando um foguete auxiliar Falcon 9 na primeira peça de um foguete orbital a pousar de volta na Terra minutos após colocar satélites em órbita.

A Space Exploration Technologies Corp. conseguiu aterrissar de forma vertical e suave depois que o foguete de dois estágios colocou sua carga útil de 11 satélites da Orbcomm Inc. no ar. Foi o primeiro voo da empresa desde que uma explosão destruiu um foguete Falcon 9 em junho, minutos após o lançamento.

“Bem-vindo de volta, bebê!”, escreveu Musk, em uma publicação no Twitter, a caminho da zona de pouso.

A missão de segunda-feira ajudou a validar a visão de Musk de realizar voos espaciais de custo mais baixo e impulsiona a SpaceX em sua corrida contra o colega bilionário Jeff Bezos para desenvolver uma nave capaz de sobreviver a explosões e retornar à Terra para ser reutilizada. Em vez de descartar o lançador, a SpaceX utilizou propulsores e uma navegação sofisticada para guiá-lo do espaço até a Zona de Pouso 1, uma antiga faixa de testes de foguetes e mísseis da Força Aérea dos EUA.

Há menos de um mês, Bezos fez sua estreia no Twitter após enviar um de seus próprios foguetes de testes ao limite do espaço e pousá-lo de forma segura novamente na Terra. Em sua quinta postagem na rede social, o fundador da Amazon.com enviou uma indireta à SpaceX em forma de parabéns: “bem-vinda ao clube!”, escreveu ele.

Lançamentos mais baratos

Os foguetes auxiliares normalmente são abandonados para que caiam de volta à Terra após o lançamento e se quebram com o intenso calor da reentrada na atmosfera. A aterrissagem na vertical poderia ajudar a reduzir o custo do acesso ao espaço em 100 vezes, estimou Musk, pois a maior parte do custo do lançamento vem da construção de foguetes que voam apenas uma vez.

A reciclagem dos motores e da primeira parte do Falcon 9, feita de liga de alumínio e lítio e com 14 andares, poderia permitir que a SpaceX, que já oferece os lançamentos mais baratos dessa categoria, pratique preços ainda menores que os de suas rivais americanas e europeias. O custo do lançamento padrão da empresa, que tem sede em Hawthorne, na Califórnia, EUA, é de US$ 61,2 milhões, segundo seu site.

Utilizando propulsão de foguete, a SpaceX guiou a estrutura até uma parada lenta e controlada na Zona de Pouso 1, localizada em Cabo Canaveral, na Flórida.

O foguete de Musk está equipado com pequenas asas dobráveis resistentes ao calor, chamadas aletas de grade, para direcioná-lo ao voltar à Terra a uma velocidade quatro vezes maior que a do som. Quando ele se aproxima da aterrissagem, pernas de pouso leves se abrem.

Explosão em junho

A SpaceX tinha planejado tentar um pouso em uma balsa após seu último lançamento, em junho, no qual um foguete foi destruído. Musk disse que uma investigação inicial à falha apontou para um suporte de 60 centímetros de comprimento e uma polegada de espessura, fabricado por um fornecedor, em um tanque de oxigênio líquido, que quebrou. A SpaceX apresentou o relatório de sua investigação à Administração Federal de Aviação no dia 22 de novembro.

Musk, 44, fundou a SpaceX em 2002 com o objetivo final de permitir que as pessoas vivam em Marte. Em maio, a SpaceX recebeu uma certificação da Força Aérea dos EUA para competir pelos lançamentos militares com a United Launch Alliance LLC, uma joint venture da Boeing Co., e com a Lockheed Martin Corp.

O voo de segunda-feira foi o primeiro de uma versão atualizada do foguete da SpaceX, que recebeu seu nome em homenagem à nave espacial Millennium Falcon, da saga “Star Wars”, usando motores mais poderosos e com melhorias em sua confiabilidade.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s