Google está criando novo sistema operacional misterioso

Ainda sem informações, especula-se que o Fuchsia (novo sistema) pode ser um substituto para o Android, plataforma de internet das coisas ou só um passatempo

São Paulo – Ao que tudo indica, o Google está desenvolvendo um novo sistema operacional. Ainda sem informações oficiais, fica difícil saber para que ele poderia ser usado. Pelo que se deduz, ele pode ser um substituto para o Android, uma plataforma para internet das coisas e realidade aumentada ou somente um passatempo para alguns dos funcionários da empresa.

De maneira geral, as hipóteses são apenas enormes chutes de pessoas ansiosas e animadas com as possibilidades.

O sistema foi encontrado no repositório de códigos GitHub. Lá, ele está batizado como Fuchsia (fúcsia, assim como a cor). A explicação presente na página não é nem um pouco esclarecedora. “Rosa + Roxo == Fuchsia (um novo sistema operacional”, se lê.

Alguns acreditam que o novo sistema poderá servir para unificar o Chrome OS e o Android. Essa seria uma enorme mudança para a empresa e para usuários, uma vez que o Android é o sistema operacional para smartphones mais usado do mundo. Essa unificação entre os sistemas tem sido motivo de rumores durante o último ano.

O blog Android Police acredita que o sistema poderá ser usado para aplicações em internet das coisas. O Android não é um sistema muito bom para isso por conta de suas especificações técnicas—o que explicaria a aposta do Google na criação de um novo sistema operacional.

Uma característica do Fuchsia é ser focado em “telefones e computação pessoal modernos com processadores rápidos” por conta da sua base. O que não significa que o uso será também nessas áreas.

Com a quantidade de informações concretas disponíveis até agora é muito difícil afirmar com propriedade para que o Fuchsia será usado. De acordo com um envolvido no projeto, Fuchsia será apresentado oficialmente em algum momento. Até agora, no entanto, se escolheu não falar oficialmente sobre o projeto e para que ele será usado.

A última hipótese possível é que Fuchsia seja somente um projeto paralelo de alguns funcionários do Google. Com isso, ele pode nunca ser lançado comercialmente.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s