O iPhone SE é bom mesmo? Veja as opiniões dos críticos

O lançamento do novo iPhone da Apple pegou todos de surpresa, mas será que o dispositivo é realmente inovador? Veja o que especialistas falam sobre o assunto

São Paulo – O iPhone SE, o novo smartphone da Apple com tela de quatro polegadas, chega ao mercado norte-americano nesta semana. Além do preço relativamente baixo para um dispositivo da empresa – o valor varia de 399 dólares (16 GB) e 499 dólares (64 GB) – o iPhone SE surpreendeu os críticos devido à sua configuração de ponta.

Segundo o site CNET, o novo iPhone “embala quase todas as funcionalidades interessantes (processador, ótima câmera, Apple Pay, Siri sempre alerta) do iPhone 6s em um telefone menor e mais acessível de quatro polegadas”.

O tamanho do iPhone SE também foi o foco do site Mashable, que chamou o dispositivo de “um dos produtos mais interessantes a serem lançados neste ano”. No entanto, ele faz uma ressalva: o iPhone SE, na realidade, não é um smartphone novo.

Essa pontuação feita pelo Mashable está relacionada com o fato de que o aparelho tem um design praticamente igual ao do iPhone 5s e sua configuração interna é extremamente similar ao do iPhone 6s.

Desse modo, “o iPhone SE não é um produto inovador. É tecnologia de hoje no corpo do telefone de ontem”, resume o site The Verge. Veja agora o que os especialistas desses portais acharam de cada uma das especificidades do novo iPhone.

Design do 5s

O iPhone SE tem um visual igual ao do iPhone 5s. Ele tem o mesmo tamanho de tela (quatro polegadas com resolução de 1136 x 640), as mesmas bordas chanfradas e o mesmo posicionamento dos botões.

Lauren Goode, repórter do The Verge que testou o novo smartphone, disse em sua análise que carregou o SE e o 5s no bolso por alguns dias e pegou o iPhone antigo por engano diversas vezes.  

Uma das únicas diferenças físicas é que o iPhone SE pode ser adquirido na cor rosa (ou rosé gold, como a Apple gosta). Além desse modelo, o aparelho também vem nas cores cinza, dourado e prata. Outra mudança no visual foi que as bordas são foscas e, não, brilhantes como as do 5s.  

O design antigo ainda carrega outra característica que irá deixar muitos usuários felizes: ele será compatível com todos os acessórios dos iPhones 5 ou 5s.

Configurações do 6s

O iPhone SE tem um chip A9 (o mesmo do iPhone 6s) e 2 GB de RAM. “Os aplicativos e páginas da web abrem rapidamente. Não há qualquer problema em alternar apps e os jogos de alta performance funcionam muito bem”, resume Christina Warren, repórter do Mashable.

Outra configuração dos dispositivos recentes que foram implementadas no iPhone SE é o suporte para Wi-Fi de alta velocidade e internet móvel de bandas mais rápidas. Além disso, ele já vem com o iOS atualizado para a versão 9.3.

O iPhone SE também tem leitor de biometria digital no botão de home e tem tecnologia NFC para o uso do Apple Pay. No entanto, uma das características mais interessantes do 6s não veio com o novo dispositivo: o 3D Touch – tecnologia que possibilita que o smartphone responda de várias maneiras dependendo da pressão do toque do usuário.

(Justin Sullivan/Getty Images)

Câmera traseira potente

A câmera traseira do SE tem 12 megapixels e tira fotos tão vibrantes quanto o smartphone topo de linha da Apple, segundo o Mashable. Uma função que foi lançada com o 6s e continua no SE é o Live Photos, uma ferramenta que captura alguns segundos de vídeo antes e depois da fotografia ser tirada.

Também é possível fazer vídeos com resolução 4K. Apesar de a qualidade das imagens ser impecável, a gravação de vídeos em 4K consome muito espaço de armazenamento do smartphone. Por isso, essa característica não deve agradar muitos usuários – principalmente, por que o iPhone SE vem apenas em dois modelos: um com 16 GB de armazenamento e outro com 64 GB.

A câmera dianteira, no entanto, vem com apenas 1,2 megapixels, o que pode prejudicar a qualidade das selfies. Porém, vale apontar que a câmera tem flash de retina, uma função que aumenta o brilho da tela para que as fotos saiam mais iluminadas.

Boa bateria

Devido ao processador A9 e o software iOS 9.3, o iPhone SE tem uma bateria que dura mais tempo do que a do 5s, segundo testes feitos pelo Mashable. A bateria do novo dispositivo tem uma performance melhor em comparação com a do iPhone 6s.

De acordo com Lauren Goode do The Verge, a bateria do SE tem 50% a mais de duração do que a do iPhone 5s. “Até agora, o iPhone SE durou muito além de um dia de trabalho completo”, afirma.

O iPhone SE começa a ser vendido nos EUA por 399 dólares, na versão de 16 GB, e 499 dólares com 64 GB.  Ainda não há previsão de quando e por quanto os novos modelos serão vendidos no Brasil.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s